Arquivo Mensal: novembro 2007

Linkania

[por Hdhd ] http://comunix.org/taxonomy/term/6 a Metareciclagem é uma conversação em rede focada no trabalho
imaterial, um tipo de interconexão que acontece em tempo real, uma conversação
engajada com uma expectativa existencial otimista em relação às possibilidades de
mudanças e de revoluções. A Metareciclagem privilegia o diálogo. Uma relação que
só é possível quando há uma compreensão inequívoca do que é Linkania [ESTRAVIZ

Bailux-somos multidão

“Efeito-puxadinho” e transformação do mundo

A sociedade sempre funcionou em rede. Aliás, sociedade e rede são conceitos indissociáveis. Os seres humanos vêm se organizando em redes colaborativas desde o começo dos tempos. Há muito que tal tipo de organização permite que sejamos capazes de transformar o mundo ao nosso redor, criando conhecimento e cultura de maneira coletiva. Não há sociedade, se não houver redes: de amigos, famílias, primos e primas. Conectados por um algum fator que combina os anseios, interesses e desejos das pessoas. Redes não são novidades.

http://lidec.futuro.usp.br/node/203 

Wille customizando wordpress.

olá, Régis

entra no painel de administração do wordpress, clica no botão “aparência”. na página que vai abrir deve ter a opção pra trocar a foto. é só colocar uma foto do tamanho ideal pra página.

abçs,
wille

valeu!!! o que parecia um misterio foi revelado pelo Wille,tamo na foto!!!! o Bando Bailux.

abs,

Regis

oi, regis

onde vc quer colocar o menu? tem duas maneiras mais simples de se fazer isso…

se vc quiser um menu lateral, entre na secao “aparencia”, depois
clique em complementos. lah vc vai adicionar uma caixa de texto na
barra lateral (procura uma caixinha com o nome Texto1 e arrasta pra
area da barra lateral. depois vc deve editar essa caixa de texto,
inserindo o codigo html do menu que vc quer criar. eh parecido com a
forma que vcs devem ter usado pra colocar os links na lateral do blog.

outra forma de fazer um menu, eh criando paginas. na parte de baixo da
foto de vcs lah no blog tem um link pra pagina “Quem somos?”, neh?

entao, basta criar outras paginas, que elas automaticamente entrarao alih.
e pra criar pagina, vai em “escrever” -> “pagina”

wordpress eh mao na roda….

wille

Observatória Bailux

 deolho.jpg

Hoje o Paulo chegou e terminou a pintura de uma maquina,esperavamos o Jurgen que não pode aparecer por um pequeno acidente no qual machucou o olho e o Rafael atrasou por uma ida a porto seguro,eu e Paulo iniciamos a re-instalaçào do xubuntu que não rolou e com a chegada do Rafael re-instalamos e de novo ficamos sem a shell…agora estamos iniciando nova instalação com o ubuntu….neste tempo muitas coisas rolaram:um streaming com o uirá,um chat com slave,um contato com o Glerm-Orquestra Organismo….e tbem iniciamos um arquivo em html para nosso site bailux.org.

Bailux-construindo redes fisicas

blogboltz103.jpg

foto:Paulo Vinicius Marques

Hoje depois de voltar de uma meditação lá do outro lado do parque central no arraial,tivemos eu e Helena um encontro com a Dina que é mãe do Rafael bailux,falamos das nossas oficinas com o Rafa e Paulo,tbem sobre as oficinas de bio construção com Jurgen,aulas de ingles com Antonella Zara. A Dina é uma pessoa muito especial e manifestou interesse de uma visita no nosso laboraório metarec para saber mais e se informar da rede que participamos,aguardaremos esta presença especial da Dina.Varias pessoas já estão se conectando nesta nossa rede de compartilhamento opensocial no arraial d’ajuda.

feliz,

Regis

temos nos inspirado nos parceiros de samapa.

http://metaprojeto.blogspot.com/

Bailux-Rede 3.0

mapa01.gif

Pensando Redes-um esboço de mapas abstratos.
“Em botânica, chama-se rizoma a um tipo de caule que algumas plantas verdes possuem, que cresce horizontalmente, muitas vezes subterrâneo, mas podendo também ter porções aéreas. O caule do lírio e da bananeira são totalmente subterrâneos, mas certos fetos desenvolvem rizomas parcialmente aéreos. Certos rizomas, como em várias de capim (gramíneas), servem como órgãos de reprodução vegetativa ou assexuada, desenvolvendo raízes e caules aéreos nos seus nós. Noutros casos, o rizoma pode servir como órgão de reserva de energia, na forma de , tornando-se tuberoso, mas com uma estrutura diferente de um tubérculo .”

icone2.jpg

Bailux 3.0-rede presencial

blogboltz095.jpg

O desafio do Open Social

Em nova iniciativa supreendente, o Google sugere interconectar as redes sociais como Orkut, Facebook e Ning. Proposta realça sucesso dos sistemas que promovem inteligência coletiva e convida a refletir sobre o papel da individualidade, na era da colaboração e autorias múltiplas.

Deleuze e Guattari apontam para o rizoma. Esse rizoma se regenera continuamente por suas interações e transformações. A subjetividade é como a cognição, o advento, a emergência de um afeto e de um mundo a partir de suas ações no mundo.

….Pensamos rizomas. Não só nas raízes que se bifurcam, crescem aleatoriamente sem comando e controle. O rizoma nos mostra o comportamento das redes, onde a trama de nós não mais identifica o ser, o corpo, o autor. Somos um produto rizomático. Multidões dentro de todos nós. Dentro e fora, fora e dentro. O corpo não tem limite. Distende-se para o infinito e para o além…………………….

 

http://diplo.uol.com.br/2007-11,a2018

icone.jpg

 

Uma conversa que surgiu desde a vinda do Slave ao Bailux:e se aplicarmos esta interconecção das redes fisicas algo como uma web 3.0 aplicada a nossas comunidades de bairros e depois entre bairros…….e……e…..as pessoas serão os roteadores…temos intuitivamente montado esta rede por aqui com nosso grupo inicial bailux.